Blue Fire é um jogo cheio de desafio e plataforma

Blue Fire

Desenvolvido pelos argentinos do Robi Studios, Blue Fire foi publicado pela Grafitti Games e lançado em fevereiro de 2021 para PC, PlayStation 4, Nintendo Switch, Xbox One e Google Stadia. A aventura traz um mundo sombrio chamado de Penumbra onde o jogador terá que enfrentar inúmeros inimigos para avançar pelas áreas estilosas do game.

Sua jogabilidade é extremamente focada em pulos precisos nas mais insanas plataformas que parecem apenas aguardar pela morte do protagonista. Um simples deslize ou pulo mal calculado pode resultar em uma ida direta para o último checkpoint ou até mesmo uma tela de Game Over cruel. Porém, tudo funciona muito bem por causa de seus controles afiados, sempre dando a entender que uma derrota ocorreu provavelmente por culpa do jogador.

Blue Fire também traz muita ação em suas horas de jogatina. O combate lembra bastante um hack ‘n slash satisfatório, suas lutas são muito mais do que um simples apertar de botões ensandecidos. Cada confronto exige do jogador um pensamento racional, além de reflexos pontuais para desviar das investidas dos inimigos. Quando uma vitória é conseguida após muito suor, o sorriso de alegria e satisfação sempre surge na face do vencedor.

Blue Fire
Há muitas habilidades em Blue Fire (Imagem: Divulgação)

A narrativa do game ocorre em um mundo chamado de Penumbra como previamente mencionado. Esse reino já foi um lugar com muita prosperidade, porém foi tomado por forças da escuridão. Cabe ao protagonista sem nome derrotar os inimigos para tentar libertar o seu mundo de todo o mal. Sim, a história não é das mais originais, mas serve apenas como um ponto de partida para o grande destaque da aventura: sua jogabilidade.

Há muito o que se fazer em Blue Fire. A exploração é altamente recomendada, oferecendo um mundo de colecionáveis e segredos. Os elementos de RPG também fazem parte do game. É possível melhorar armas e habilidades do herói, tudo para que seu desenvolvimento não seja direcionado apenas à competência do jogador. Além disso, vale ressaltar que mesmo que a narrativa não seja o ponto alto do título, ela consegue ajudar em transformar o mundo de Penumbra em algo apaixonante.

Outra característica interessante da obra é um mundo escondido chamado de “O Vácuo”. Ao entrar no local, o protagonista vai se deparar com missões extras não-obrigatórias focadas em plataforma. O nível de desafio aqui é altíssimo, basicamente vai separar o bom jogador do exelente jogador, porém saiba que se decidir encarar, a sua paciência será altamente testada.

Se você está procurando por um game que vai exigir muito de suas habilidades com o controle enquanto oferece um mundo apaixonante e desafiador, então Blue Fire vale muito a jogatina. A obra do Robi Studios é divertida até seus últimos momentos. Ao vencer o chefe final depois de cerca de 10 horas de jogo, uma sensação gostosa de dever cumprido aparece, porém a vontade de iniciar uma nova jogatina vem logo em seguida.

Resumindo: este é o tipo de game que desafia e satisfaz na medida certa enquanto nos deslumbra com seu mundo.